NOTÍCIAS
VÍDEOS
AGENDA
Artigos
Vídeos 

Top 6 mais vistos sobre Formula 1
Vettel vence na Hungria
Publicado em: 2015-07-28  Modalidade: Formula 1
Entre acidentes e penalizações, Vettel aproveita para vitória dedicada a Bianchi. Mercede falha pódio após 29 GPs. Primeiro Pódio de Kvyat. Pontos para McLaren.

Um tremendo GP da Hungria com vitória de Sebastian Vettel numa prova onde o alemão aproveitou um arranque demasiado discutido entre os dois homens da Mercedes, para assumir o comando e liderar até final.

Vettel já tinha vencido na Malásia em 2015. Este novo triunfo confirma a ideia que a Ferrari e o alemão em particular estão em posição de aproveitar sempre que algo de errado aconteça aos Mercedes e em especial em pistas de maior apoio aerodinâmico.



A vitória de Vettel é a 41ª da sua carreira, o que o coloca a par do número de triunfos obtidos por Ayrton Senna. Vettel torna-se então a par de Senna o 3º piloto com mais triunfos de sempre, atrás de Prost (51) e Michael Schumacher (91)

Há 28 corridas que não assistíamos a uma prova sem um carro da Mercedes no pódio.

O GP teve momentos dramáticos. Saídas de pista, incidentes por toque direto entre pilotos, Safety Car, penalizações em série. De alguma forma, foi até caótico.


Hamilton que se viu envolvido em muitos incidentes. O primeiro como se referiu, na 1ª volta, num erro denunciado em discussão de posição com Nico Rosberg e que o fez cair até 10º lugar ao fim da 1ª volta.

Mais tarde o Force India de Nico Hulkenberg viu a asa dianteira partir na reta da meta e levando-o de encontro aos rails e sujando a pista de detritos.

A entrada do Safety Car foi uma boa notícia para o campeão do mundo. Só que por pouco tempo. Logo no relançamento, Hamilton e Ricciardo tocaram-se.


Ricciardo viu Hamilton defender o interior tentando entrar por fora. Lewis estava do lado sujo da pista e deslizou de encontro à trajectória do Red Bull. Contacto inevitável.

O inglês foi considerado culpado e foi penalizado por isso. Como se não bastasse, ainda teve de trocar a asa dianteira danificada do W05.


Mas para as contas do campeonato pouco importou. Porque já nas derradeiras voltas, Nico Rosberg que poderia aproveitar para reduzir a sua desvantagem no mundial, viu-se envolvido com o mesmo Daniel Ricciardo num incidente que o levou a furar.

Com este infeliz acidente para Rosberg, o alemão terminou a corrida atrás do seu rival para o título. Hamilton foi 6º e Rosberg  8º,o que eleva a vantagem de Lewis para 21 pontos no campeonato.

Esta foi a primeira vez em 28 GPs onde nenhum Mercedes terminou no pódio. A Hungria assinala também a 1ª vez após 9 GPs onde ambos os carros da equipa alemã terminaram ambos no pódio, igualando um record de 1953 da Ferrari. Mas desta vez ficou por apurar aquele que seria um novo máximo histórico na F1. A contagem recomeça do zero depois das férias.


No Hungaroring, tivemos ainda uma estreia no pódio. Foi a primeira vez de Daniil Kvyat, o jovem russo recruta da Red Bull. Numa prova onde começou por se irritar com a equipa, quando recebeu por rádio indicação para deixar passar Daniel Ricciardo. Mas uma prova consistente colocou-o em posição de estar no sítio certo para beneficiar dos problemas que foram aparecendo nas corridas de Hamilton, Raikkonen, Rosberg e Ricciardo. O resultado de Kvyat é mais extraordinário sabendo que também ele foi um dos pilotos galardoado com 10s de penalização em tempo, naquele momento por ter passado Ricciardo usando a escapatória da pista.

Ricciardo limitou-se ao 3º lugar, isto depois de tentar ir a 2º no final. No momento em que tentou discutir a posição, envolveu-se por culpa num incidente com Nico Rosberg que lhe custou uma posição a si e várias ao alemão como acima explicamos. O australiano mergulhou na curva 1 para passar mas  escorregou e foi para cima de Rosberg  que tocou com o pneu do seu carro na asa dianteira do Red Bull.


Ricciardo teve de trocar a asa dianteira, mas ainda alcançou o pódio, permitindo o primeiro pódio duplo da Red Bull desde Singapura o ano passado. O feito evitou que essa posição, fosse obtida pelo mais jovem piloto da história a lá subir.

Max Verstappen ainda tem tempo para ficar na história como o mais jovem piloto de sempre no pódio. Na Hungria quase alcançou o feito. Mas ainda assim é a sua melhor classificação. Aos 17 anos ele carimbou com o 4º lugar a sua melhor posição desde que chegou.

O conjunto de resultados notáveis do dia, não pode deixar de fora os McLaren de Fernando Alonso e Jenson Button. Numa temporada absolutamente catastrófica de performance em pista e resultados desportivos, à conta de tantos problemas para tanta gente, foi uma questão de ser consistente e fiável para a escuderia inglesa terminar com ambos os pilotos nos pontos. Alonso foi 6º e Button foi 9º.


A vitória da Ferrari só não significou uma tarde perfeita, porque a central de energia MGU-K  do Ferrari cedeu a meio da corrida. O finlandês foi obrigado a ceder o ritmo numa altura em que seguia em 2º, atrás do colega de equipa.  Mais tarde, após o relançamento de corrida aquando do Safety Car, o problema do sistema híbrido mostrou-se terminal e Raikkonen entregou o carro na boxe para abandonar.

Vettel, tal como Kvyat, dedicaram a vitória e o pódio em memória de Jules Bianchi e à sua família. Pelo rádio após cruzar a linha de meta, Vettel disse: "Jules, esta vitória é para ti. Você estará sempre nos nossos corações. Sabemos que mais cedo ou mais tarde, você estaria sentado aqui por esta equipa!" (Bianchi corria pela Marussia mas era piloto da Scuderia e estava em linha para entrar, provavelmente em 2016, para ser colega de Vettel).


CLASSIFICAÇÃO DO GP DA HUNGRIA

1.    Sebastian Vettel    Ferrari    1h46m09.985
2.    Daniil Kvyat    Red Bull-Renault    +15.700
3.    Daniel Ricciardo    Red Bull-Renault    +25.0
4.    Max Verstappen    Toro Rosso-Renault    +44.2
5.    Fernando Alonso    McLaren-Honda    +49.0
6.    Lewis Hamilton    Mercedes GP    +52.0
7.    Romain Grosjean    Lotus-Renault    +58.5
8.    Nico Rosberg    Mercedes GP    +58.8
9.    Jenson Button    McLaren-Honda    +1m07.0
10.    Marcus Ericsson    Sauber-Ferrari    +1m09.1
11.    Felipe Nasr    Sauber-Ferrari    +1m13.4
12.    Felipe Massa    Williams-Mercedes    +1m14.2
13.    Valtteri Bottas    Williams-Mercedes    +1m20.2
14.    Pastor Maldonado    Lotus-Renault    +1m25.1
15.    Roberto Merhi    Marussia-Ferrari    +2 voltas
16.    Will Stevens    Marussia-Ferrari     *******
Kimi Raikonnen - MGU- K - Abandono
Niko Hulkenberg  - Acidente - Abandono

No mundial Lewis Hamilton lidera agora com 202 pontos, Nico Rosberg tem 181, Sebastian Vettel 160, Valtteri Bottas 77, Kimi Raikkonen 76, Felipe Massa 74, Daniel Ricciardo 51 e Daniil Kvyat 45.

Nos construtores, a Mercedes 383, Ferrari 236, Williams 151, Red Bull 96, Force India 39 e Lotus 35.

Fonte: RTP


Segue-nos no Facebook

Agora partilha!



Últimos Artigos sobre Formula 1

Últimos Vídeos sobre Formula 1

 

Segue-nos
PATROCINADORES
PRÓXIMOS EVENTOS
Prova: AMA Supercross 2018
Local: Rice-Eccles Stadium - Salt Lake City
Data: 2018-04-28
Prova: Campeonato Nacional TT 2018
Local: Raide da Ferraria
Data: 2018-04-29
Prova: Campeonato Nacional de Velocidade 2018
Local: Estoril I
Data: 2018-04-29
Prova: Formula E 2017/2018
Local: Paris, França
Data: 2018-04-28
Prova: GP2 Series 2018
Local: Baku Street Circuit - Azerbaijão
Data: 2018-04-29
Prova: Campeonato Nacional MX 2018
Local: Granho
Data: 2018-04-29
Prova: DTM 2018
Local: Hockenheimring
Data: 2018-05-06
Prova: AMA Supercross 2018
Local: Sam Boyd Stadium - Las Vegas
Data: 2018-05-05
Prova: ASP World Tour Feminino 2018
Local: Rio de Janeiro - Brasil
Data: 2018-05-19
Prova: ASP World Tour 2018
Local: Rio de Janeiro - Brasil
Data: 2018-05-19
Prova: GP3 Series 2018
Local: Barcelona - Espanha
Data: 2018-05-13
Prova: GP2 Series 2018
Local: Catalunha - Espanha
Data: 2018-05-13
Prova: DTM 2018
Local: Lausitzring
Data: 2018-05-20
Prova: Formula E 2017/2018
Local: Berlin - Alemanha
Data: 2018-05-19
Prova: Campeonato Nacional de Enduro 2018
Local: Valpaços
Data: 2018-05-20
ÚLTIMOS ARTIGOS
MAIS VISTOS DA SEMANA
  • PTRadical ©2011-2012 - Todos os direitos reservados
    Por Tecla Infinita